Video Shack vence licitação do Museu do Índio para digitalização de Acervo Audiovisual

Video Shack vence licitação do Museu do Índio para digitalização de Acervo Audiovisual

 

A Video Shack foi a vencedora da licitação proposta pelo Museu do Índio para digitalização do acervo audiovisual composto de aproximadamente 1200 horas de material bruto de gravações captadas em HDV em tribos das seguintes etnias: Xavante, Bororo, Nambikwara, Paresi-Haliti, Karajá, Suyá-Kisêdjê, Matis, Marubo, Guarani Mbya, Tiryió, Tukano, Kaxinawá, Kaxuyana, Wayana e Aparai, Tapirapé, Asurini, Umutina, Xetá, Cinta-Larga, Kadiwéu, Terena, Kaingang, Yawanawa, Ticuna, Maxakali, Kalapalo e Kuikuro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *