XDCAM formato profissional de vídeo para audiovisual

XDCAM

XDCAM é a série de produtos para gravação digital.

A Video Shack faz este serviço para você.

Introduzida pela Sony em 2003. Quatro linhas de produtos diferentes o XDCAM SD, XDCAM HD, XDCAM EX e XDCAM HD422 diferem nos tipos de codificação utilizado, tipo de recipiente, tamanho do quadro e em mídia de gravação. A Video shack faz cópias em formatos profissionais com uma Central Técnica equipada com VT´s em múltiplos formatos, possibilitando copiar, duplicar, transcrever, transcodificar, remasterizar e editar os principais tipos de fitas disponíveis para aplicações profissionais. As ilhas de edição são integradas ao sistema de racks da Central Técnica, que trafega sinais em SDTV e HDTV.

Clique na imagem XDCAM abaixo e conheça os serviços.

xdcam

Os formatos oferecidos são: Betacam-Digital (PAL e NTSC), Betacam-SP (PAL e NTSC), DVCam (PAL e NTSC), XDCam (PAL e NTSC), HDCam, HDV, Hi8 (PAL e NTSC), U-matic (PAL e NTSC), S-VHS (PAL e NTSC), DVD, VideoLaser e Betamax. A monitoração técnica é feita com Waveform e Vectorscope. A monitoração de vídeo pode ser feita em SDTV e HDTV (720 ou 1080), inclusive em 24p.

xdcam faça sua cópia na video shack

Curiosidades

Em setembro de 2008, a JVC anunciou sua aliança com a Sony para apoiar o formato XDCAM EX. Em agosto de 2009, a Convergent Design começou a enviar o gravador nanoFlash Portable Recorder, que usa o codec Sony XDCAM HD422. Pouco tempo depois, a Rede Globo de Televisão adotou o formato.

MPEG IMX permite a gravação em definição standard (SD), usando codificação MPEG-2 com frames em 30, 40 ou 50 Megabits por segundo. Ao contrário da maioria das outras implementações de MPEG-2, IMX usa intraframe compressão com cada quadro ter o mesmo tamanho exato em bytes para simplificar a gravação em fita de vídeo. A Sony afirma que 50 Mbit/s oferece qualidade visual comparável com a Digital Betacam,[2] o MPEG IMX não é suportado pela linha XDCAM EX.

DVCAM usa codificação standard DV, que é executado em 25 Mbit/s, e é compatível com a maioria dos sistemas de edição. Algumas câmeras de vídeo que permitem a gravação DVCAM pode gravar vídeo em progressive-scan. MPEG HD é usado em todos os produtos da linha, exceto para XDCAM SD. Este formato suporta múltiplos tamanhos de frame, frame rates, escaneando tipos e modos de qualidade. Dependendo do produto ou linha de um determinado modelo, nem todos os modos deste formato são disponíveis.

MPEG HD422 duplica a resolução chroma em comparação com as gerações anteriores de formados de vídeos em alta definição XDCAM. Para acomodar melhor os detalhes chroma, o bitrate de vídeo foi aumentado para 50 Mbit/s. Este formato é usado somente em produtos XDCAM HD422.

Proxy AV é usado em gravações baixas para vídeos proxy. Esse formato emprega MPEG-4 com 1.5 Mbit/s (resolução CIF) com 64 kbit/s (8 kHz A-law, qualidade ISDN) para cada canal de áudio. Fonte: Wikipedia
Gostou deste conteúdo? Curta nossa funpage.